Vendas Stands:

O Evento

O Brasil é um país rico em produção cultural, seja ela artística ou artesanal, e cada região tem características marcantes. Reunir artesãos de todo o país, realizando uma exposição anual propicia ao público visitante conhecer um pouco dessa riqueza e valorizar o trabalho desenvolvido por artesãos dos quatro cantos deste imenso país. São produtos que trazem consigo um pouco da história, das matérias primas e dos recursos naturais de cada município, cidade e estado participante. Grande parte desta produção tão rica culturalmente, está nas mãos de famílias humildes, sem formação educacional, com poucos recursos financeiros, que têm no artesanato, quase sempre, sua única fonte de renda.

São pequenos empreendedores, que trabalham na informalidade, buscando caminhos para serem reconhecidos como profissionais, se qualificarem, empreender, sair da informalidade e passar sua profissão para outros com dignidade e orgulho. Grande parte desta produção vem de técnicas que passam de geração para geração, às vezes por vocação e reconhecimento e às vezes por falta de oportunidade em outras áreas no mercado de trabalho.
O evento tem acesso gratuito para todos os visitantes e é um dos principais do país, sendo realizado em duas importantes capitais  (Brasília e São Paulo), dando visibilidade e acesso à rica produção artesanal brasileira.

OBJETIVOS DA REALIZAÇÃO DO SALÃO DO ARTESANATO

Reunir os 26 estados brasileiros e Distrito Federal e suas comunidades artesãs, em um evento que mostra a grande diversidade da produção artesanal, incentivando a comercialização desses produtos, estreitando suas relações comerciais pela possibilidade de contato direto com o público consumidor e com lojistas;

Expor mais de 40.000 peças artesanais, estimulando o mercado para o consumo dos produtos artesanais, pela possibilidade de identificação com produtos regionais, conhecimento das técnicas e materiais utilizados, histórico dos produtos, beleza e riqueza agregadas à produção. Cada peça exposta no evento tem atrás de si uma história;

Realizar Rodada de negócios com aproximadamente 50 lojistas nacionais e 5 internacionais, buscando novos mercados para o artesanato, colocando-o em um circuito comercial, promovendo a mentalidade empreendedora dos artesãos e o aumento da renda no setor;

Destacar a produção cultural e turística dos estados e das cidades participantes do Salão do Artesanato, através de apresentações de música, dança, teatro e outras manifestações artísticas populares (apresentações diárias) e exibição de filmes, fotos e divulgação de roteiros turísticos (realizadas nos estandes);

Promover a troca de experiências entre artesãos de várias regiões, com oficinas e palestras, onde diferentes técnicas e matérias primas são mostradas e ensinadas.

ATRATIVOS DO EVENTO

OFICINAS

São ensinadas técnicas artesanais de fácil aprendizagem, tanto voltadas para artesãos (troca de conhecimentos) quanto para o público em geral (oportunidade de desenvolver alguma habilidade). De maneira simples e com poucos recursos é possível até para leigos aprender a fazer enfeites, bijuterias, acessórios e utilitários artesanais de forma divertida e prática. As oficinas de qualificação para artesãos visam o aprimoramento e conhecimento de novas técnicas e a troca de informações entre eles.

SHOWS

Shows de música e danças típicas são apresentadas por grupos folclóricos, representando a cultura das 5 regiões brasileiras. Grupo Folclórico Canto da Mata (Bois de Parintins), Cururu e Siriri , Boi do Seu Teodoro, Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro, Orquestra Alada Trovão da Mata, Tambor de Crioula e outros grupos folclóricos já encantaram os visitantes.Shows de música e danças típicas são apresentadas por grupos folclóricos, representando a cultura das 5 regiões brasileiras. Grupo Folclórico Canto da Mata (Bois de Parintins), Cururu e Siriri , Boi do Seu Teodoro, Seu Estrelo e o Fuá do Terreiro, Orquestra Alada Trovão da Mata, Tambor de Crioula e outros grupos folclóricos já encantaram os visitantes.

MESTRES ARTESÃOS

A cada ano o evento dá destaque aos Mestres Artesãos reconhecidos em seus estados pela relevância de seu trabalho. Eles têm um espaço especial para mostrar suas técnicas, expor e comercializar suas peças e ainda oferecer ao público a oportunidade de vê-los trabalhando presencialmente.

ATELIÊ DOS ARTESÃOS

Espaço destinado a expor peças de artesanato de cada estado brasileiro, selecionadas entre os artesãos expositores e com sistema de rodízio diário. As peças escolhidas para este espaço têm forte cunho cultural e permitem, a quem está visitando o evento, identificar características marcantes do estado na peça. É uma forma de dar ao visitante uma visão mais detalhada do artesanato de cada estado.

DEMOCRATIZAÇÃO DE ACESSO

O evento terá entrada franca, tanto para visitação dos estandes, quanto para as oficinas, palestras e shows que forem oferecidos.

Todos os ambientes que compõem a realização deste projeto são acessados pela população em geral, sem cobranças de ingressos com uma previsão de atingir mais de 50.000 pessoas em todos os dias de realização, com o cumprimento de todas as regras sanitária vigentes.

Será disponibilizada na internet os registros audiovisuais de apresentações artísticas previstas neste projeto. Será permitida a captação de imagens de apresentações artísticas e autorizada a sua veiculação por qualquer rede pública de televisão, observadas a legislação brasileira referente a direitos autorais.